segunda-feira, 22 de Setembro de 2014

Muffins de espelta, abóbora, alho francês e queijo Idiazabal # Spelt, pumpkin, leeks and Idiazabal cheese muffins





Já não me lembrava do bom que é trocar a cama quente e a preguiça devida de uma manhã de Domingo pelo cheirinho acolhedor de uns muffins a crescerem no calor do forno. Ontem foi assim.

Nos últimos tempos sempre a mesma história, chego a Sexta feira e toda eu sou boas intenções. Faço listas mentais de tudo o que quero no Brunch de fim de semana, digo mentais porque das escritas já tenho a minha conta durante toda a semana. Mas entretanto a vida impõe-se. Os rapazes que já têm vida própria, preferem outros rituais onde não cabem panquecas, muffins e afins, especialmente a meio de um Domingo que se quer bem aproveitado com os amigos. Eu que cozinho toda a semana, em trabalho e para a família, chego muitas vezes a Sábado com pensamentos tentadores sobre fechar a porta da cozinha e deitar fora a chave. E é claro que no meio destes e de outros entretantos a vontade esmorece. Mas desta vez o apelo do Outono foi mais forte. Bastou uma abóbora bolina, de polpa laranja e macia. Puro aconchego na forma de filamentos doces que se fizeram em muffins salgados, ricos e nutritivos e com aquele travo delicioso  the frutos secos tão característico de algumas farinhas integrais.

Ontem foi assim... Para a semana? Logo se vê... :)



In English
I no longer remembered how good it is to replace a warm bed and due laziness of a Sunday morning for the cozy scent of muffins rising in the heat of the oven. Yesterday was like this.

In recent times the same story, over and over again, by Friday I´m all good intentions. I make mental lists of all the goodies I want for the weekend brunch, I say mental because I have enough of the written ones all week long. But in the meantime life impose on oneself. The boys that already have their own lives prefer other rituals where pancakes, muffins and the like don´t fit, especially in the middle of a Sunday that they want well spent with their friends. I, that cook all week for work and family, many times by Saturday I start having these tempting thoughts about closing the kitchen and throwing away the key. And in the midst of these and other "meanwhiles" the will to do it fades away. But this time the call of Autumn was stronger. It only took one pumpkin, with soft, orange pulp. Pure coziness in the shape of sweet filaments that turned into savory muffins, rich and nourishing, with that nutty, delicious aftertaste so characteristic of some whole flours.

Yesterday was like this... Next week? We´ll see... :)












Ingredientes: cerca de 16 muffins
200 g de puré de abóbora bolina
400 g de farinha de espelta integral
1 colher de chá de fermento em pó
1 colher de chá de bicarbonato
1/2 colher de chá de sal
2 dl de leite
0,6 dl de azeite
2 ovos
50 g de queijo Idiazabal ralado (pode usar outro queijo duro à escolha)
50 g de alho francês cortado em rodelas finas

Preparação:
*Prepare uma forma de 12 muffins colocando forminhas de papel em cada cavidade.
*Pré aqueça o forno a 180º, marca 4 do fogão a gás.
*Numa taça misture a farinha, o fermento, o sal e o bicarbonato.
*Noutra taça misture o puré de abóbora com o leite, o azeite, os ovos batidos, o queijo ralado e por fim envolva o alho francês.
*Misture os líquidos com a mistura de farinha com a colher de pau, sem bater nem mexer demasiado, só até os ingredientes ficarem ligados, para evitar que os muffins fiquem pesados e tipo borracha.
*Encha as forminhas de papel com a massa até cima e leve ao forno por 30 a 35 minutos, até ficarem cozidos e dourados.
*Sirva com sementes de abóbora assadas.
*Para assar as sementes de abóbora, regue-as com um fio de azeite e leve a forno pré aquecido a 200º, marca 6 do fogão a gás e asse por 12 a 15 minutos até ficarem levemente tostadas e estaladiças. Pode guardar as restantes num frasco ou caixa hermeticamente fechada. Duram até 2 meses no frigorífico. Também as pode congelar.




Ingredients: makes about 16 muffins
200 g of any orange pumpkin puree
400 g of whole spelt flour
1 tsp baking powder
1 tsp bicarb
1/2 tsp salt
200 ml semi skimmed milk
0,60 ml good quality olive oil
2 eggs, beaten
50 g of Idiazabal cheese, grated (you can use any other hard cheese)
50 g leeks cut into thin rounds

Preparation:
*Prepare a muffin tin by placing paper cases in each cavity.
*Preheat the oven to 180º, 350f, gas mark 4.
*In a bowl put the flour, baking powder, salt and bicarb.
*In another bowl mix together the pumpkin purée, eggs, milk, olive oil, grated cheese and finally fold in the leeks.
*Mix the dry ingredients with the wet ones, gently, without over mixing, otherwise the muffins will be heavy and with a bit of rubber texture, not what we´re looking for.
*Fill each paper case with batter and bake the muffins for 30 to 35 minutes, until golden and beautiful.
*Remove from the oven, let them cool and serve with roasted pumpkin seeds.
*To roast the seeds spread them in a baking tray, drizzle with a bit of olive oil and roast at 200º, 400f, gas mark 6, for 12 to 15 minutes until crunchy and toasted.
*Keep the remaining seeds in a jar or airtight container for up to 2 months, in the fridge. You can also freeze the seeds.






Print Friendly and PDF

quarta-feira, 10 de Setembro de 2014

Caril de perú com ervilhas e courgette # Turkey curry with peas and zucchini




E... estamos quase lá! Isto é, no Outono.
Não me interpretem mal. O Verão foi ótimo, com todas aquelas coisas que é suposto fazermos, especialmente em tempo de férias: Viajar para novos e velhos destinos. Vegetar ao sol. Demolhar em águas doces e salgadas e claro, comer, comer todas aquelas coisas que tão bem sabem em dias quentes de lazer, numa qualquer esplanada com o mar mesmo ali, à distância de uma leve brisa que  traz e leva de volta o perfume da maresia.

Mas eu sou uma rapariga de Outonos e Primaveras e agora que já colhi as primeiras abóboras e maças. Agora que os dias já são mais curtos e os ritmos da terra começam a abrandar, apetecem-se comidas reconfortantes e quentes, especiarias aromáticas e picantes. Tinha que ser um caril.

Ainda antes do sabor rico, quente e perfumado, o que se passa com os caris é que logo à partida a lista de ingredientes parece interminável. Afinal de contas há especiarias, muitas especiarias envolvidas. Mas ultrapassada essa primeira impressão, a verdade é que são facílimos de fazer e selecionar cada tempero, cada cheiro, para mim é um verdadeiro ritual. Como quem escolhe cada componente de uma fórmula alquímica, sabendo que o resultado final valerá bem a pena.



In English
And... we are almost there! In Autumn, I mean.
Don´t get me wrong. Summer was great, with all those things that we´re suppose to do, especially during vacation time: To travel to new and old destinations. Vegetate in the sun. To soak in sweet and salty waters and of course, to eat, eat all those foods that taste so good in lasurely, hot days, in any terrace with the sea right there, at the distance of a light brise that brings and takes back the perfume of the salty air.

But I´m a girl of Autumns and Springs and now that I´ve already picked the first apples and pumpkins. Now that the days are shorter and that the rythmes of the land begin to slow down, I crave for comforting, hot foods, scented with pungent spicies. I crave a tasty curry.

Even before the rich, hot, perfumed flavor, the thing about curries is that the list of ingredients seems endless. After all there are spicies, lots of spicies involved. But overtaken that first impression, the truth is that they are very easy to make, and to select each spice, each scent, to me is a true ritual. Like choosing each component of an alchemical formula, knowing that the end result will be well worthwhile.














Ingredientes: 4 pessoas
900 g de bifes de perú espessos, cortados em cubos
2 colheres de sopa de azeite
1 cebola média picada
1 colher de chá de malagueta em pó
1 colher de sopa de coentros em pó
1 colher de chá de açafrão das Índias
1 colher de chá de cardamomo moído
2 colheres de chá de cominhos
3 cravinhos da Índia
2 colheres de chá de garam masala
2 dentes de alho ralados
1 colher de sopa de gengibre ralado
400 ml de leite de coco (1 lata)
400 ml de molho de tomate, se for caseiro tanto melhor
200 g de ervilhas congeladas
1 courgette pequena cortada em rodelas e depois em tiras grossas
Sal a gosto
Folhas de coentros
Folhas de espinafres


Preparação:
*Aqueça o azeite num tacho e frite a cebola até ficar macia ,mexendo para não queimar.
*Junte o leite de coco, o molho de tomate, as especiarias, alho e gengibre. Mexa e cozinhe por 5 minutos.
*Junte os cubos de perú e as ervilhas e envolva-os no molho, baixe o lume, tape o tacho e cozinhe por 15 minutos, mexendo de vez em quando.
*Por fim junte sal a gosto e as tiras de courgette e cozinhe por 2 minutos apenas, para que a courgette mantenha a cor e a textura.
* Mexa retifique o sal e sirva com arroz basmati simples e folhas de coentros e espinafres.



Ingredients: serves 4
900 g of turkey fillets, cut into cubes
2 tbsp  olive oil
1 medium onion chopped
1 tsp chili powder
1 tsp turmeric
1 tsp ground cardamom 
1 tbs ground coriander seeds
2 tsp cumin
3 cloves
2 tsp garam masala
2 garlic cloves, minced
1 tbsp ginger, minced
400 ml coconut milk
400 ml tomato sauce, if it´s homemade so much the better
200 g frozen peas
1 small courgette cut into rounds and then into strips
Salt to taste
Coriander leaves 
Spinach leaves

Preparation:
*Heat the olive oil in a pan, fry the onion until soft, mixing to prevent from burning.
*Stir in the coconut milk, tomato sauce, spices, garlic and ginger and cook for 5 minutes with the pan uncovered.
*Add the turkey and peas and fold them into the sauce, low the heat, put the lid on and cook for 15 minutes, stirring every now and then.
*Season with salt to taste and finally add the courgette, cook only for 2 minutes so the courgette maintaines the texture and color.
*See if it needs more salt, remove from the heat and serve with coriander and spinach leaves.





Print Friendly and PDF

quinta-feira, 4 de Setembro de 2014

Bolo de aniversário # Birthday cake




O primeiro sopro, leve, de recém estreada vida. O dia em que tudo começa, ou volta ao início, dependendo da crença de cada um.  A data especial que nos acompanha até ao fim de mais um ciclo. Chamam-lhe aniversário, e ontem foi o meu.
Desse dia duas coisas:

Um bolo.
A essência de festa, faiscante, guardada em cada pedacinho de bom chocolate e fruta. Em cada migalha desejada. Em cada gota de ganache, voluptuosa, aveludada e brilhante como ouro negro.

E acima de tudo a minha gente.
A que tem estado sempre. A força e a constância nos momentos menos bons. A celebração e a alegria nos dias felizes.
O amor e a verdade, sempre.



In English
The first light breath, of newly premierd life. The day when everything starts, or returns to the beginning, depending on one´s belief . The special date that accompanies us till the end of another cicle. They call it birthday and yesterday was mine.
From that day two things:
A cake.
The sparkling party essence kept in each piece of good chocolate and fruit. In each desired crumb. In each drop of ganache, voluptuous, silky and glossy as black gold.

And above all my people.
The ones that have always been here. The strengh and constancy in the less good moments. The celebration and joy in the happy days .
The love and the truth, always.







Receita de Nigella Lawson (ligeiramente adaptada)

Ingredientes:
225 g de farinha
30 g de cacau em pó
1 colher de chá de fermento em pó
200 g de açúcar
100 g de manteiga sem sal
200 ml de leite condensado
100 g de chocolate em barra de boa qualidade
100 ml de água 
2 ovos
Pitada de sal
Nectarinas
Framboeas
Ganache:
200 g de chocolate de boa qualidade
200 ml de natas (podem ser pasteurizadas)

Preparação:
*Pré aqueça o forno a 180º, marca 4 do fogão a gás.
*Unte muito bem uma forma com manteiga (a que usei tem 23 cm de diametro e é anti aderente) forre o fundo com papel vegetal, unte o papel e polvilhe a forma com cacau, sacudindo o excesso. Caso não tenha à mão uma forma igual à que usei, pode também usar 2 formas de fecho e fundo falso de 20 cm de diametro e fazer um bolo de 2 camadas.
*Peneire a farinha, o fermento, o sal e o cacau para uma taça.
*Num tacho junte o açúcar, o chocolate, o leite condensado, manteiga e água e leve ao lume brando, mexendo para derreter.
*Tire do lume e com a mistura ainda quente junte-a aos secos (farinha, cacau e fermento, sal) e mexa bem com uma colher de pau para ligar até ficar com uma massa brilhante e sedosa.
*Por fim junte os ovos batidos.
*Verta a massa na forma ou formas preparadas e leve ao forno por 40, 45  minutos ou menos caso use as formas de fecho que são mais baixas logo os bolos cozem mais rápido.
*Tire do forno assim que sentir o topo do bolo bem firme, o teste do palito aqui não serve já que o bolo deverá ficar húmido por dentro.
*Tire do forno, deixe arrefecer 10 minutos e vire sobre um prato, se a forma que usar for anti aderente não precisará de passar uma faca, o bolo deslizará para o prato sem problema.
*Deixe acabar de arrefcer e cima de uma rede para bolos.
*Para fazer o ganache leve o chocolate partido em pedaços pequenos ao lume (brando) com as natas até que o mesmo derreta. Mexa muito bem com uma vara de arames para que o ganache fique macio e brilhante.
*À medida que arrefece o ganache vai ficando mais espesso. Pode fazê-lo antes de fazer o bolo e caso espesse demais só precisa de o levar uns segundos ao lume até que fique mais líquido, mexendo sempre com uma vara de arames.
*Verta o ganache sobre o bolo, decore com fatias de nactarina e framboesas e sirva.
*Este bolo é melhor no dia em que é feito. No dia seguinte deixa de estar húmido.





Recipe: Nigella Lawson (slightly adapted)

Ingredients:
225 g flour
30 g good cocoa
1 tsp baking powder
200 g caster sugar
100 g unsalted butter
200 ml condensed milk
100 g good quality chocolate
100 ml water
2 eggs
Nectarines
Raspberries
Ganache:
200 g good quality chocolate
200 ml cream

Preparation:
*Preheat the oven to 180º, gas mark 4, 350f
*Butter a cake tin (I used a 23 cm diameter tin) and line the base with parchment paper. Dust with cocoa and remove the excess. You can also use 2 springform tins (20 cm diameter)and make a 2 layer cake, whatever suits you best.
*Sift the flour, cocoa, baking powder and salt to a bowl.
*Put the sugar, butter, condensed milk, chocolate and water into a saucepan and take to low heat, stirring to melt.
*Remove from the heat and with the chocolate mixture still hot stir it into the dry ingredients, using a wooden spoon, until velvety and smooth.
*Finally add the beaten eggs.
*Pour the batter into the prepared tin or tins and bake for 40 to 45 minutes, less time if you are using springform tins which are shallower.
*Remove the cake from the oven as soon as you feel the top firm, the inside will be mist so the skewer test will not work here.
*Let the cake cool for 10 minutes and unmold into a plate. If you´re using a non stick tin you don´t even need to use a knife around the edges, the cake will slide into the plate like if it was made of silk. Place the cake on top a wire rack and live it to cool completly.
*To make the ganache take the chocolate broken into small pieces and the cream to a low heat to melt. As soon as the chocolate whisk the mixture until smooth and glossy.
*Pour the ganache over the cake, decorate with nectarine slices and raspberries and serve.
*This cake is best the first day.





Print Friendly and PDF
UA-16306440-1